Make your own free website on Tripod.com

Gatos & Gatinhos

[arranjar um gato]  [escolher um gatinho]  [o que vai ser preciso]  [primeiros dias]  [maus hábitos]

Durante anos eu insisti com os meus pais que queria ter um gato. Os meus primos tinham gatos, algumas das minhas amigas tinham gatos, e eu viva num apartamento e tinha um hamster numa gaiola. Depois mudei para uma casa com quintal na parte de trás,  e consegui ter um gato, e depois uma gata, e depois outro gato, e ao longo dos anos a família foi crescendo. Alguns foram morrendo de causas naturais, de doenças que não se chegavam a perceber o que era, um desapareceu, e a família estava a perder membros.

Houve uma altura em que decidi que não queria mais gatos porque estava farta de que eles desaparecessem, mas ocasionalmente  fui visitar um gatil e vi lá um gato que me cativou imenso. Fui buscá-lo no dia seguinte e a partir daí reconstituí a minha família de gatos - neste momento habitam cá em casa três gatas e esse gato que veio do gatil.á ainda um gato siamês que vive no quintal.

Arranjar um Gato

É muito fácil arranjar um gato. Pode-se pedir a alguém que tenha uma gata que esteja quase a ter gatinhos, mas também se podem fazer outras coisas: ir a um gatil; falar com um veterinário (eles conhecem sempre pessoas que têm ninhadas de gatinhos para dar ou vender); ir à União Zoófila, à LPDA ou à Sociedade Protectora dos Animais; ver na minha página de 'Gatos para Dar'; recolher um gato abandonado, etc.

O que vai ser preciso

 

Escolher um Gatinho

Se puder, antes de lhe entregarem o seu gatinho, vá visitar a ninhada inteira. Os gatinhos podem ser desmamados por volta dos 2 meses, porque nessa altura geralmente já sabem comer e passar sem a mãe. Informe-se da data de nascimento do gatinho.

Tenha em atenção alguns sintomas que podem vir a significar problemas no futuro:

 

Primeiros Dias

Há algumas coisas que vão acontecer nos primeiros dias e não se deve deixar apanhar desprevenido:

 

Maus Hábitos

 

Rita Varela © 2001, 2002